< Página Anterior

19 dez 2018

Bali é uma ilha que vale a pena conhecer

Reinaldo Polito

Dei um giro pela Ásia para conhecer alguns lugares diferentes. Depois de uma parada de dois dias nos Estados Unidos para reabastecer as energias, pois a viagem é bastante longa, com quase 30 horas de duração, segui para Cingapura, Bali, Bangkok e Hong Kong. Ainda que todos os lugares tenham seus encantos, o que me tocou mais foi Bali. Além das praias e das ondas que fazem a alegria dos surfistas do Mundo inteiro, a cultura e a religiosidade dos balineses são aspectos que chamam a atenção de maneira especial. Bali é uma pequena ilha cercada pelo Oceano Índico, com pouco mais de cinco mil quilômetros quadrados, localizada na Indonésia.

Mais de noventa por cento da população segue o hinduismo. Por isso, uma cena bastante comum é ver pessoas pela manhã e à tarde depositando oferendas para os deuses ou para os espíritos. Essas oferendas são compostas de arroz, flores, frutas e incensos colocados em pequenos cestos fabricados com folhas de palmeiras. Você encontra oferendas pela cidade toda: na porta das casas, dos estabelecimentos comerciais, nos hotéis, nos painéis dos automóveis. Por onde você olhar irá encontrar uma oferenda fresquinha, pois são renovadas todos os dias. De acordo com a crença dos hinduístas o ser humano deve compartilhar com os deuses (oferendas colocadas no alto), com os espíritos (oferendas colocadas embaixo), e com as outras pessoas, que estão no mesmo plano. Por causa dessa religiosidade existem mais de vinte mil templos em Bali.

A simpatia e a cordialidade da população balinesa lembra muito o jeito de ser alegre e extrovertido do nordestino brasileiro. Até a temperatura é parecida, com mais de 30 graus o ano inteiro. A maioria das pessoas anda de moto. É comum ver famílias inteiras empoleiradas sobre as motos andando no meio de um trânsito aparentemente bagunçado, mas que eles entendem bem. A mão de direção é pela direita.

Andando alguns poucos quilômetros é possível ver várias plantações de arroz, que é o alimento preferido da população. Em qualquer lugar que você pare aparecem vários vendedores que oferecem insistentemente seus produtos. Começam pedindo dez, mas com boa pechincha da para levar até por dois ou três.

Foi uma agradabilíssima surpresa que recomendo a todos os meus amigos.

Integer ultrices pulvinar sem et lacinia. Mauris sed magna nibh. Suspendisse vestibulum dui libero, sit amet feugiat velit iaculis vel. Aliquam fermentum id ipsum congue facilisis. Aliquam ac nisl diam. Praesent ac euismod diam. Duis nec lorem efficitur, malesuada orci at, dictum libero. Mauris congue suscipit dolor, id auctor ligula lobortis a.

Deixe uma resposta

AULA DE APRESENTAÇÃO GRATUITA