< Página Anterior

21 out 2019

Você vai morrer

Para arrebatar uma plateia é preciso que ela veja vida, e não algo morno

Laurence Olivier

 

Nos anos 1970 havia um serviço muito curioso. Você fazia uma ligação telefônica e era atendido por uma gravação de um homem falando com voz grave, forte e quase aterrorizante que dizia: “você vai morrer”. Havia aí dois componentes instigantes: o primeiro era o aviso de que o ouvinte iria morrer, que chegava a amedrontar; o segundo era o fato de ser uma mensagem gravada atendendo a uma ligação telefônica, o que não era comum naquela época.

Depois de uma breve pausa, a gravação continuava com explicações a respeito de qualidade de vida. Com texto muito bem produzido, orientava que uma pessoa, se não fizesse exercícios físicos, nem se alimentasse com produtos saudáveis, morreria mais cedo.

Para encerrar, eram feitas reflexões a respeito de temas bíblicos. Ponderava-se ainda que, ao obedecer às recomendações, o ouvinte viveria mais e de maneira bastante saudável, mas que, no final, como todo mundo, iria morrer. O objetivo derradeiro enfim se revelava – já que a morte era inexorável, a pessoa deveria adotar a religião proposta por eles para garantir sua entrada no Céu.

O mais surpreendente dessa história era a quantidade de pessoas que me diziam ter ouvido a gravação até às últimas informações. Essa frase inicial “você vai morrer” provocava grande impacto, e quem a ouvia ficava tentado a acompanhar a mensagem até o seu término. Hoje, com o fato de quase todas as mensagens serem gravadas, essa estratégia talvez não fizesse tanto sucesso, mas naquela época funcionava.

A frase de impacto conquista a atenção

A frase de impacto, entretanto, continua sendo um dos recursos mais eficientes para conquistar a atenção dos ouvintes. Um dos maiores pregadores da nossa história recente foi o Reverendo Borges. Ele dirigiu o Mackenzie por muitos anos e pregava com brilhantismo na Igreja Presbiteriana no Jardim das Oliveiras, em São Paulo.

Em uma de suas palestras ele disse: “começo os meus sermões sempre com uma frase de impacto, pois assim os fiéis terão a sensação de que algo importante irá ocorrer na minha pregação.” Portanto, entre os diversos recursos de que dispomos para conquistar a atenção dos ouvintes, a frase de impacto é um dos mais eficientes.

Essa frase impactante associada à demonstração clara das vantagens que os ouvintes terão com a mensagem é uma maneira muito exitosa de se iniciar uma apresentação. Os outros recursos de que podemos lançar mão para conquistar a atenção dos ouvintes logo no início são: um fato bem-humorado, uma história interessante e uma reflexão.

Texto publicado originalmente no site Uol

Deixe uma resposta

AULA DE APRESENTAÇÃO GRATUITA