< Página Anterior

09 dez 2018

Tive cinco ministros e meio como alunos

Reinaldo Polito

De vez em quando me perguntam se gente do primeiro escalão do governo também faz curso de Expressão Verbal. A dúvida surge porque as pessoas observam algumas autoridades falando em entrevistas nas emissoras de rádio e de televisão, fazem uma avaliação da sua capacidade de se comunicar e ficam ali matutando se essas personalidades passaram ou não por algum treinamento para se apresentar tão bem, ou, em alguns casos, tão mal.

Há momentos em que a capacidade de comunicação de quem habita a cúpula do poder é colocada à prova. São aquelas circunstâncias em que o conhecimento técnico ou a habilidade política dos bastidores terão pouca utilidade, pois o que vai valer mesmo é a competência para se comunicar com desenvoltura quando esses quase intocáveis são encurralados com perguntas dos jornalistas.

Por isso, por mais importantes que sejam, essas autoridades também se sujeitam a um treinamento para aprender a falar bem.

O Ministro Silas Rondeau, por exemplo, que acabou de se demitir do Ministério das Minas e Energia, foi meu aluno duas vezes, uma em grupo e outra em aulas particulares.

Ao longo dos últimos anos tive cinco ministros e meio como alunos. Ao dar essa informação sei que provavelmente você deve estar muito mais interessado em saber quem foi o meio ministro.

Foram meus alunos os ministros Walter Barelli, Antonio Cabrera, João Mellão Neto, Alcides Tápias e Silas Rondeau. Alguns deles me procuraram para preparar o discurso de posse. Outros para participar de entrevistas e debates. E houve aqueles que precisaram aprimorar a maneira de comunicar as decisões do governo ligadas ao seu ministério. Todos, sem exceção, foram para a sala de aula com bastante humildade e acatando de forma disciplinada as orientações que julguei oportuno transmitir.

E o meio ministro? A explicação é simples. Houve uma época em que o governo resolveu eliminar o Ministério dos Transportes. Por isso, o Secretário dos Transportes de certa maneira acumulava as funções de ministro. Era assim um meio ministro. Esse cargo foi ocupado por Marcelo Ribeiro, que ao tomar posse como secretário me procurou para desenvolver sua comunicação.

É por esse motivo que posso contabilizar no meu currículo cinco ministros e meio como  alunos.

Integer ultrices pulvinar sem et lacinia. Mauris sed magna nibh. Suspendisse vestibulum dui libero, sit amet feugiat velit iaculis vel. Aliquam fermentum id ipsum congue facilisis. Aliquam ac nisl diam. Praesent ac euismod diam. Duis nec lorem efficitur, malesuada orci at, dictum libero. Mauris congue suscipit dolor, id auctor ligula lobortis a.

Deixe uma resposta

AULA DE APRESENTAÇÃO GRATUITA